INDÚSTRIAS CULTURAIS E FAIXA DE FRONTEIRA NO BRASIL MERIDIONAL (cultural industries and border line in Southern Brazil)

  • Ada Cristina Machado da Silveira Universidade Federal de Santa Maria
  • Lindamir Ester Adamczuk Universidade Federal de Santa Maria

Abstract

O artigo aborda a experiência das indústrias culturais das Terras de Fronteira do Brasil Meridional. Estamos estudando aspectos da discursividade dos sistemas de comunicação de um território que inclui parte da atual faixa de fronteira mas que teve seus limites re-desenhados em vários momentos após sucessivas demarcações. O conhecimento sobre o tema é restrito. A perspectiva corrente considera as Terras de Fronteira do Brasil Meridional como uma zona de conflitos e deprecia a capacidade comunicacional de sua sociedade, entendendo que sua condição fronteiriça as consagra apenas enquanto uma área de segurança nacional cujo desenvolvimento comunicacional teria sido constrangido. Entendemos que as Terras de Fronteira do Brasil Meridional constituem-se de referência empírica que pode subsidiar teoricamente o desenvolvimento da faixa de fronteira brasileira como um todo. Consideramos também que sua condição híbrida antecipou uma série de aspectos propostos pela globalização.

Palavras chave: fronteira, políticas de comunicação, representações midiáticas.

ABSTRACT

The paper says about the experience of Borderlands in Southern Brazil deals with the activities made by cultural industries. We have researched issues of discursivity network communication from a territory that includes part of the actual border line, but, due to successive historical demarcations, these areas have had its limits redesigned in various moments. The current knowledge available about this question is restricted, though. The present perspective shows the Borderlands of Southern Brazil as a buffer zone and depreciates its society’s capacity of communication. Thus, understanding its border condition acclaims them only through the point of view of national security areas, its communicational development would have been constrainted. The Borderlands in Southern Brazil are a solid empirical reference that will theoretically maintain the communicational development of the Brazilian borderline as a whole. Overall, according to the references these hybrid characteristics anticipate the issue of globalization itself.

Key words: border studies, communication policy, media representations.

How to Cite
SILVEIRA, Ada Cristina Machado da; ADAMCZUK, Lindamir Ester. INDÚSTRIAS CULTURAIS E FAIXA DE FRONTEIRA NO BRASIL MERIDIONAL (cultural industries and border line in Southern Brazil). Mercator, Fortaleza, v. 3, n. 5, nov. 2008. ISSN 1984-2201. Available at: <http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/133>. Date accessed: 02 apr. 2020.
Section
ARTICLES