TRANSPORT AND LOGISTICS TOWARDS ECONOMIC RESTRUCTURING IN BRAZIL

Abstract

The contemporary economic restructuring has two important components that articulated impact on the spatial reconfiguration in Brazilian territory: they are, the state logistics and corporate logistics focused on transportation and functioning as strategies for planning and management territorial (public) and corporative, with the purpose of inserting and expanding fluency, competitiveness and changing territorial configurations. The process of geographical expansion of capital count with the participation of the public power in the service of corporate demands for transport and infrastructure. In the same direction, the logistics held by companies optimizes engineering systems of transport and storage, to minimize new constructions and production costs. This study, therefore, has as scope to show that the logistics, as organizational innovation, serves to increase the fluidity and territorial competitiveness, interfering in the reordering of various spaces in the Brazilian territory.


Keywords: Corporate logistics. State logistics. Territorial competitiveness. Territorial fluidity. Modernization. Standards and taxation systems.

Author Biography

Márcio Rogério Silveira, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis (SC), Brasil

Doutor em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho"; (UNESP), Campus de Presidente Prudente/SP. Atualmente é Professor Adjunto do Departamento de Geociências da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e dos Programas de Pós-Graduação em Geografia da UFSC e da UNESP (Campus de Presidente Prudente). É lider do Grupo de Estudos em Desenvolvimento Regional e Infraestruturas (GEDRI), Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFSC, Bolsista Produtividade do CNPq.

References

ANFAVEA – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores. Dados estatísticos. Disponível em . Acesso dia 10 de junho de 2016.
BARAT, Josef. Logística e transporte no processo de globalização: oportunidades para o Brasil. São Paulo: Editora da UNESP, 2007.
BIONDI, Aloysio. O Brasil Privatizado II: o assalto das privatizações continua. São Paulo: Perseu Abramo, 2003.
BRASIL, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (SECEX). Secretaria de Comércio exterior. Disponível em . Acesso dia 05 de abril de 2012.
BRASIL. Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Ministério dos Transportes. Disponível em . Acesso em 05 de junho de 2013.
BRASIL. Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Ministério dos Transportes. Disponível em . Acesso em 20 de novembro de 2017.
BRASIL. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. Disponível em . Acesso em 23 de abril de 2016.
BRASIL. Plano Nacional de Transportes e Logística. Centro Nacional de Excelência em Engenharia de Transportes (CENTRAN). Ministério dos Transportes e Ministério da Defesa. Disponível em . Acesso dia 03 de julho de 2013.
BRASIL. Sistema de Análise das Informações de Comércio Exterior (ALICE-Web). Anuários Estatísticos. Brasília, 2013.
CASTILLO, Ricardo A. Agricultura globalizada e logística nos cerrados brasileiros. In: SILVEIRA, Márcio R. (Org.). Circulação, transportes e logística: diferentes perspectivas. São Paulo: Outras Expressões, 2011, p. 331-354.
CHANDLER, Alfred. Ensaios para uma teoria histórica da grande empresa. São Paulo: FGV Editora, 1998.
CHEPTULIN, Alexandre. A dialética materialista: categorias e leis da dialética. São Paulo: Alfa-Omega, 1982.
CHESNAIS, François. A mundialização do capital. São Paulo: Xamã, 1996.
COCCO, Rodrigo G.; SILVEIRA, Márcio R. Interações Espaciais. In.: FERNANDES, Alberto R.; TRIGAL, Lorenzo S.; SPOSITO, Eliseu S. (Orgs.). Dicionário de Geografia Aplicada: terminologia da análise, do planejamento e da gestão do território. Porto/Pt: Porto Editora, 2016, p. 271-272.
EMPLASA. Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano. Plano de ação da macropetrópole paulista 2013-2040: uma visão da macrometrópole. Secretaria da Casa Civil do Estado de São Paulo. São Paulo: Emplasa, 2015.
FELIPE JUNIOR, Nelson F. Transporte marítimo de longo curso e cabotagem no Brasil. Tese (Doutorado em Geografia). FCT/UNESP. Presidente Prudente, 2012.
FELIPE JUNIOR, Nelson. Circulação, transportes e logística no setor portuário e marítimo brasileiro. Vila Velha: Above, 2014.
FIESC – Federação das Indústrias de Santa Catarina. Disponível em: . Acesso em 29 de novembro de 2017.
HARVEY, David. A condição pós-moderna: uma pesquisa sobre as origens da mudança cultural. São Paulo: Loyola, 1992.
HARVEY, David. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume, 2006.
HIRST, Paul Q.; THOMPSON, Grahame. Globalization in question: the international economy and the possibilities of governance. Nova Jersey: Wiley-Blackwell, 1999.
KON, Anita. Economia de Serviços: Teoria e evolução no Brasil. Rio de Janeiro: Elsevier/Editora Campus, 2004.
MARX, Karl. Grundisse: manuscritos econômicos de 1857-1858 – esboço da crítica da economia política. São Paulo: Boitempo; Rio de Janeiro: Ed. UFRJ, 2011a.
MARX, Karl. O Capital: O processo de circulação do capital (Livro 2, Vol. III). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011b.
MELLO, Eduardo Brigidi de. A nova política externa independente: o Governo Lula e a inserção externa brasileira no século XXI. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2009. (Dissertação de mestrado apresentada ao curso de relações internacionais). Disponível em: . Acesso em 22 de março de 2016.
MONIÉ, Frédéric; SILVA, Geraldo (Orgs.). A mobilização produtiva dos territórios: instituições e logística do desenvolvimento local. Rio de Janeiro: DO&D Editora, 2003.
PORTER, Michael. Estratégia competitiva: técnicas para a análise de indústrias e da concorrência. Rio de Janeiro: Campus, 1986.
SANTA CATARINA. Secretaria de Estado da Fazenda. Disponível em: . Acesso em 28 de novembro de 2017.
SANTOS, Milton. A natureza do espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: Hucitec, 1996.
SANTOS, Milton. Globalização em questão: do pensamento único à consciência global. Rio de Janeiro: Editora Record, 2001.
SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria L. Brasil: território e sociedade no início do século XXI. Rio de Janeiro: Editora Record, 2008.
SILVEIRA, Márcio R. (Org.). Circulação, transportes e logística: diferentes perspectivas. São Paulo: Outras Expressões, 2011.
SILVEIRA, Márcio R. Circulação, transportes e logística: bases para a acumulação do capitalista e expansão geográfica do capital. In: SILVEIRA, Márcio R. (Org.). Circulação, transportes e logística no estado de São Paulo. Curitiba: Editora Appris, 2014, p. 11-34.
SILVEIRA, Márcio R. Infraestruturas e logística de transportes no processo de integração econômica e territorial. Revista Mercator, Fortaleza, v. 12, n. 2, p. 41-53, 2013.
SILVEIRA, Márcio R.; COCCO, Rodrigo G. Basis for a materialist and dialectical approach to spatial interactions. Revista Terrae, Campinas, v. 8, p. 35-42, 2011.
SPOSITO, Eliseu S. (ORG.). O novo mapa da indústria no início do século XXI: diferentes paradigmas para a leitura das dinâmicas territoriais no estado de São Paulo. São Paulo: Editora da UNESP, 2015.
WOOD, Ellen M. O império do capital. Rio de Janeiro: Boitempo, 2014.
Published
26/03/2018
How to Cite
SILVEIRA, Márcio Rogério. TRANSPORT AND LOGISTICS TOWARDS ECONOMIC RESTRUCTURING IN BRAZIL. Mercator, Fortaleza, v. 17, mar. 2018. ISSN 1984-2201. Available at: <http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/e17008>. Date accessed: 06 apr. 2020. doi: https://doi.org/10.4215/rm2018.e17008.
Section
ARTICLES