PARTIÇÃO PLUVIOMÉTRICA EM FITOFISIONOMIAS DO CERRADO (partition rainfall in the savanna vegetation types)

  • Fábio Carvalho Universidade Federal de Goiás
  • Hildeu Ferreira da Assunção Universidade Federal de Goiás
  • Iraci Scopel Universidade Federal de Goiás

Abstract

O presente trabalho teve como objetivo determinar as partições pluviométricas - interceptação (I); precipitação interna (PI); precipitação efetiva (PE) e abstração inicial (AI) - em uma mata de encosta de cerrado da Bacia Hidrográfica do Córrego do Queixada, no município de Jataí (GO), em três fitofisionomias (cerrado stricto sensu; cerradão e mata ciliar) no período de outubro de 2009 a março de 2011. Foram instalados equipamentos para obtenção da precipitação total (P), da PI e da PE, determinando-se, então, a I e a AI. Verificou-se que a PI foi de 76 %, a I, foi de 25,6 %, a PE, 24,3 % e a AI foi de 51,6%. Na primavera e no inverno, períodos de muito baixos índices pluviométricos, houve diferença na variância para a PI a 5% de probabilidade. Os períodos do outono e do verão apresentaram os maiores índices pluviométricos e não houve diferença na análise da variância a 5% de probabilidade. Portanto, pode-se concluir que as três fitofisionomias tem comportamento semelhante em relação às partições pluviométricas.

Palavras-chave: Interceptação, Abstração inicial, Cerrado.

ABSTRACT

This article aims to determine the rainfall partitions – interception (I); throughfall (PI); effective rainfall (PE) and initial abstraction (AI) – in hillside forest of savannah in the ‘Queixada’ watershed, at Jataí country, Goiás state, and In three vegetation types (cerrado stricto sensu; cerradão and riparian vegetation) on the period from October 2009 to March 2011. Equipment was installed to obtain rainfall (P) data, PI, and  PE data, in order to determine the I and the AI. It was found that the percentage of PI was 76, of PE, was 24.3, of I, 25.6, and of AI,  51.5%, in the period. The periods of lower rainfall as winter and spring, had different variances, at 5% probability for PI.  The periods of summer and of fall had the highest rainfall and no differences in the results of variance analysis, at 5% probability. Then, the three kind of phytophysiognomies had no differences in the rainfall partitions.

Key words: Interception, Initial abstraction, Savannah.

RESUMEN

Este estúdio tuvo como objetivo determinar las particiones de la precipitación (P) como: interceptación (I); precipitación interna (PI); precipitación efectiva (PE) y abstracción inicial, en un bosque de una ladera de sabana, cuenca del Arroyo Queixada, en el município de Jataí (GO), en tres tipos de vegetación (cerrado en sentido estricto-savana-, cerrado y bosque de galeria) en el período de octubre/2009 a marzo de 2011. Se instaló un equipo para obtener la precipitación total (P), la PI y la PE, com la finalidad de obtener, entonces, la I y la AI. Se encontró que la PI fue 76% de la P , el I fue 25,6%, el PE fue 24,3% y la AI fue 51,6% de la P. En la primavera y en lo invierno, períodos de lluvias muy bajas, hubo diferencia en la varianza de PI, en el 5% de probabilidad. Los períodos de verano y de otoño tuvieron la major precipitación y no hubo diferencias en el análisis de la varianza, en el 5% de probabilidad. Por lo tanto, se puede concluir que los tres tipos de vegetación tienen un comportamiento similar en relación a las particiones de las lluvias.

Palabras clave: Interceptación, Abstracción inicial, Sabana.  DOI: 10.4215/RM2013.1227.0010 

Author Biographies

Fábio Carvalho, Universidade Federal de Goiás

Possui graduação (licenciatura e bacharelado) em Geografia pela Universidade Federal de Goiás - Campus Jataí. Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Goiás - Campus Jataí.

Hildeu Ferreira da Assunção, Universidade Federal de Goiás
Graduado em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras (1990), mestre em Agronomia (Agrometeorologia) pela Escola Superior de Agricultura ";;;;Luiz de Queiroz";;;;/USP (1994) e doutor em Agronomia (Energia na Agricultura) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Goiás. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Radiometria e modelagem, atuando principalmente nos seguintes temas: monitoramento ambiental, pluviometria direcional e energia da biomassa. É membro do Núcleo de Estudos em Agricultura Familiar da Universidade Federal de Goiás.
Iraci Scopel, Universidade Federal de Goiás
Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1975), graduação em Licenciatura de Curta Duração Em Ciênicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1971), graduação em Filosofia pela Fundação Universidade de Bagé (1972), mestrado em Ciência do Solo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1977) e doutor em Ciências Florestais pela Universidade Federal do Paraná (1988). Atualmente é professor Associado da Universidade Federal de Goiás. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Manejo e Conservação do Solo, atuando principalmente nos seguintes temas: uso da terra, sensoriamento remoto, erosão do solo, conservação do solo e climatologia.
Published
11/04/2013
How to Cite
CARVALHO, Fábio; ASSUNÇÃO, Hildeu Ferreira da; SCOPEL, Iraci. PARTIÇÃO PLUVIOMÉTRICA EM FITOFISIONOMIAS DO CERRADO (partition rainfall in the savanna vegetation types). Mercator, Fortaleza, v. 12, n. 27, p. 135 a 147, apr. 2013. ISSN 1984-2201. Available at: <http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/740>. Date accessed: 06 apr. 2020.
Section
ARTICLES

Keywords

Interceptação, abstração inicial, cerrado.