PERFIL SÓCIO-OCUPACIONAL NAS REGIÕES METROPOLITANAS DO NORDESTE BRASILEIRO (the social and occupational profile in metropolitan areas of northeast/Brazil)

  • Luís Abel da Silva Filho Universidade Regional do Cariri - URCA / Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN
  • Maria do Livramento Miranda Clementino Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN

Abstract

A retomada do crescimento econômico brasileiro tem proporcionado ao mercado de trabalho sinais de recuperação a partir do final de 2003. Há relativo consenso na literatura acerca do perfil dos postos de trabalho dos anos 2000 e sua notável semelhança com aqueles da última década do século XX. Destarte, objetiva-se observar a classificação dos ocupados segundo a categoria sócio-ocupacional. Metodologicamente utiliza-se uma revisão de literatura acerca do desempenho do mercado de trabalho diante do capitalismo global e, além disso, adota-se como ferramenta de analise empírica, a metodologia de construção das categorias sócio-ocupacionais desenvolvida pelo Observatório das Metrópoles. O recorte geográfico delimitado por essa pesquisa são as Regiões Metropolitanas de Fortaleza, Recife e Salvador, como recorte temporal, tem-se os anos de 2001 e 2008. Os resultados empíricos propõem discriminação no mercado de trabalho nas três RMs, haja vista que há maior concentração de ocupados masculinos exercendo as melhores profissões, na condição de Dirigentes, Pequenos Empregadores e Ocupações Médias. Os ocupados de raça/cor branca são maioria absoluta nas melhores categorias, enquanto os não brancos e as mulheres tendem a aglomerar-se nas categorias mais vulneráveis e de remunerações significativamente inferiores.    

Palavras-chaves:  Regiões Metropolitanas, Categorias Sócio-ocupacionais, Mercado de Trabalho.

ABSTRACT

The resumption of Brazilian economic growth has provided the labor market showing signs of recovery from the end of 2003. There is some consensus in the literature Regarding the profile of jobs in the 2000s and Its Remarkable Similarity to those of the last decade of the twentieth century Thus, the objective is to observe the classification of the employed according to socio-occupational category. Methodologically it is used a literature review about the performance of the labor market before global capitalism and, moreover, is adopted as a tool for empirical analysis, the construction methodology of socio-occupational categories developed by the Centre of the Metropolis. The geographic delimited by this research are the metropolitan areas of Fortaleza, Recife and Salvador, as a time, there are the years 2001 and 2008. The empirical results suggest discrimination in the labor market in the three metropolitan areas, given that there is a greater concentration of employed men performing the best professions, provided Executives, Small Medium Employers and Occupations. The busy race / white majority are in the best category, while non-whites and women tend to cluster on the most vulnerable and pay significantly less.

Key words: Metropolitan areas, Socio-occupational category, Labour Market.

RESUMEN

El retorno del crescimento económico brasileño há ofrecido en el mercado laboral muestra signos de recuperación desde finales de 2003. Existe relativo consenso en la literatura sobre el perfil de los puesto de trabajo en 2000 y su notable perecido con los de la última década del siglo XX. Así, el objetivo es observar la clasificación de los ocupados según categoría socio-profesional. Metodología utilizada es una revisión de la literatura sobre el desempeño del mercado de trabajo antes de que el capitalismo global y, además, es adoptado como una herramienta para el análisis empírico, la metodología para la construcción de categorías socio-profesinales desarrollado por el Observatório de las metrópolis. El esquema de esta investigación geográfica definida son las áreas metropolitanas de Fortaleza, Recife y Salvador, como marco de tiempo, no son los años 2001 y 2008. Los resultados empírico sugieren que la discrininación en el mercado de trabajo en las tres áreas metropolitanas, ya que hay una mayor concentración de los hombres ocupados dando los mejores profesionales en la condición de Adminitración, los empleadores Pequeña Mediana y ocupaciones. La carrera de ocupado mayoría blanca se encuentran en las majores categorías, mientras que los no blancos y las mujeres tienden a concentrarse en las ganancias más vulnerables y reducir de manera significativa.

Palabras clave: Areas metropolitanas, Categorías socio-profesionales, Mercado de trabajo.



DOI:

Author Biographies

Luís Abel da Silva Filho, Universidade Regional do Cariri - URCA / Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN
Mestre em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN, e também pesquisador do Observatório das Metrópoles, Linha II, Núcleo da UFRN. Desenvolve pesquisas em Economia do Trabalho, Economia Regional, Agrícola e Economia do Setor Público. 
Maria do Livramento Miranda Clementino, Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN
Doutora em Ciência Econômica pela Universidade Estadual de Campinas (1990) com pós-doutorado na Université Lumière, Lyon. Atualmente é Professora Titular da Universidade Federal do Rio Grande do Norte na área de Planejamento Urbano e Regional. Tem experiência na área de Políticas Públicas, com ênfase em Desenvolvimento Regional e Urbano, atuando principalmente nos seguintes temas: espaço urbano, desenvolvimento urbano, região metropolitana, cidade e planejamento urbano. Bolsista Produtividade do CNPq.
Published
10/08/2013
How to Cite
DA SILVA FILHO, Luís Abel; MIRANDA CLEMENTINO, Maria do Livramento. PERFIL SÓCIO-OCUPACIONAL NAS REGIÕES METROPOLITANAS DO NORDESTE BRASILEIRO (the social and occupational profile in metropolitan areas of northeast/Brazil). Mercator, Fortaleza, v. 12, n. 28, p. 35 a 53, aug. 2013. ISSN 1984-2201. Available at: <http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/780>. Date accessed: 30 mar. 2020.
Section
ARTICLES

Keywords

Regiões Metropolitanas; Categorias Sócio-ocupacionais; Mercado de Trabalho.